Governo fica do lado do Bom Senso na briga com CBF por projeto de lei

Por Bernardo Itri

O Bom Senso ganhou um importante aliado na disputa com CBF e clubes pela Lei de Responsabilidade Fiscal do Esporte: o governo federal. A simpatia da presidente Dilma pelo movimento de jogadores –e sua repulsa a José Maria Marin– faz com que o governo da petista encampe reivindicações do grupo, que defende a limitação de gastos dos clubes com o o futebol em 70% e a participação de atletas na gestão da CBF.

Placar. “Está 2 a 1 para o Bom Senso”, diz um membro do governo federal, sobre a preferência de Dilma pelos jogadores: eles foram recebidos duas vezes por ela, enquanto os clubes se encontraram apenas uma.

Contra… Com as duas propostas em mãos, do Bom Senso e dos clubes, o governo deve apresentar emendas ao projeto de lei antes que ele seja enviado à Câmara. A intenção é agilizar todas as tratativas para aprovar o texto até dezembro.

…o relógio. O governo não quer de jeito nenhum que o projeto seja apreciado pelo novo Congresso, que assume em janeiro. O receio é que os novos parlamentares queiram fazer mais questionamentos, o que adiaria ainda mais a aprovação.

E contando… Às vésperas de inaugurar seu estádio reformado, o Palmeiras vê crescer o número de sócios-torcedores. Só nesta semana o clube recebeu a inscrição de mais de mil novos associados. No mesmo período, São Paulo e Flamengo registraram crescimento de cerca de 300 sócios.

Ranking. Mesmo com esse crescimento, o Palmeiras ainda é o terceiro clube paulista com mais sócios-torcedores. Com quase 50 mil associados, perde para Corinthians (que tem 61 mil) e Santos (56 mil).

Produto interno. O São Paulo quer, a partir de 2015, aproveitar mais as categorias de base. O vice de futebol, Ataíde Gil Guerreiro, defende que o time só contrate jogadores para serem titulares ou, no mínimo, para disputar posição. Diz que o restante do elenco deve ser composto essencialmente por revelações de Cotia.

Presente. Não será em dezembro que Rogério Ceni deixará o dia a dia do São Paulo. O plano do clube de realizar a despedida do goleiro entre janeiro e fevereiro fará com que ele frequente o centro de treinamento no início do ano. A ideia é que Ceni treine nas semanas anteriores ao jogo de despedida para estar bem fisicamente.

Novos ares. Dono do tradicional Arruda, o Santa Cruz tem obtido resultados positivos na nova casa de Recife, a Arena Pernambuco. O clube registra média de público de 17.699 torcedores no novo estádio, número superior à média geral na Série B, 12.343. Foram dois jogos e duas vitórias. Hoje joga novamente na arena contra o América-RN.

Expansão. O rugby, modalidade que estará na Rio-2016, conseguiu mais um apoio no Brasil. A confederação brasileira da modalidade fechou com novo patrocinador, a Cosan. O contrato, de um ano, já começa a valer nas semifinais Brasileiro de rugby, domingo (2).

DIVIDIDA

“Não estou pensando em 2015

MANO MENEZES

técnico do Corinthians, sobre a decisão do presidente Mário Gobbi, publicada na Folha, de que ele não terá contrato renovado, e o time ficará sem treinador durante a pré-temporada do próximo ano, nos Estados Unidos