Governo federal chama organizadas para reunião contra violência nos estádios

Por Bernardo Itri

Na esteira dos atos violentos no clássico Palmeiras x Corinthians, o governo federal resolveu entrar no circuito para dialogar com as torcidas organizadas. O ministro do Esporte, George Hilton, se reunirá em Brasília na quinta-feira (12) com três entidades que representam os torcedores. O projeto é, a partir destes encontros, criar um plano para estancar o problema de violência nos estádios, ao lado de federações e CBF.

Audiência. Entre os torcedores que serão recebidos pelo Ministério do Esporte estão Flávio Martins, vice-presidente da Associação Nacional das Torcidas Organizadas, e Ricardo Dias, presidente da ONG Torcida Ativa.

Bibliografia. O Ministério do Esporte se ancora no estudo da “Comissão Paz no Esporte”, produzido em 2005 pelo atual diretor da Autoridade Brasileira de Controle de Dopagem, Marco Aurélio Klein.

Paulista… Foco do final de semana, Palmeiras x Corinthians registrou audiência menor que o jogo da Libertadores, entre Corinthians e Once Caldas, na quarta (4). O clássico bateu a marca de 21 pontos, contra 25 da partida do meio de semana.

…x Libertadores. O número do clássico, no entanto, foi bem superior ao marcado no último domingo, com o jogo Penapolense x São Paulo, que atingiu 16 pontos. Cada ponto equivale a 67 mil domicílios na Grande São Paulo.

Previsão. O senador José Serra (PSDB-SP) foi ao Palmeiras votar no sábado (7) na eleição para o Conselho. Serra publicou foto no Facebook com a legenda: “Votando nas eleições internas do Palmeiras. Clima de otimismo com relação ao time”. No dia seguinte à postagem, seu time perdeu por 1 a 0 no clássico.

Ultimato. O Corinthians usa esta sexta (13) como prazo final para fechar a renovação com a Caixa. A diretoria do clube vê o negócio como praticamente fechado e diz que “faltam detalhes” para selar o acordo. O plano corintiano é renovar o contrato por mais um ano, por R$ 30 milhões, mesmo valor pago na última temporada.

QG. O Brasil já começou a procurar local para aclimatação nos Jogos Olímpicos de Tóquio, em 2020. O COB (Comitê Olímpico do Brasil) foi o primeiro comitê nacional a visitar a capital japonesa em busca de um centro de treinamento para a delegação na Olimpíada asiática.

QG 2. A ideia é repetir o que foi feito no Crystal Palace, que abrigou algumas modalidades do time brasileiro nos Jogos de Londres-2012. Além de Tóquio, o COB visitou a cidade chinesa de Kunming para possíveis treinos na altitude na Ásia.

No gatilho. Atual presidente do Atlético-MG, Daniel Nepomuceno mostra-se tão ou mais ambicioso que seu antecessor, Alexandre Kalil: “Eu quero o Mundial”. Apesar de ter perdido Diego Tardelli, a diretoria aposta que, ao manter a base e com as contratações de Lucas Pratto e Cárdenas, o time se credencia para o título.

Colaborou PAULO ROBERTO CONDE, de São Paulo

“E ainda não ganhamos na nova arena como mandantes. Confere, produção?

PIRACI OLIVEIRA

ex-diretor jurídico do Palmeiras, sobre o fato de o time só ter vencido o Audax, sem ter sido mandante, e do Red Bull e do Shandong, em jogos não oficiais