Comitê da Rio-2016 indica Manaus para ser sede do futebol na Olimpíada

Por Bernardo Itri

Manaus deve receber jogos de futebol da Olimpíada do Rio-2016. O comitê organizador dos Jogos incluirá Manaus na lista que será divulgada nesta quinta (12) das seis cidades indicadas para sediar a competição –São Paulo, Belo Horizonte, Brasília, Salvador e Rio são as outras apontadas. Caberá à Fifa chancelar a escolha das seis capitais ou retirar alguma delas da lista. A tendência é manter Manaus como sede do torneio.

Você decide. A Fifa deve anunciar as sedes definitivas do futebol da Rio-2016 até o fim de março.

Banho de ouro. Quarto esporte na lista de preferências dos brasileiros que querem acompanhar a Olimpíada, o atletismo é o esporte que distribuirá o maior número de medalhas em 2016: 141, sendo 47 de ouro.

Offline. A implantação da tecnologia que mostra se a bola entrou no gol ou não, usada na Copa-14, não será levada a diante pela Conmebol. A Copa América do Chile-2015, realizada entre junho e julho, não terá o recurso. O alto custo dos equipamentos pesou na decisão.

Sem retorno. Enquanto a Casa Civil produz a MP para financiar as dívidas fiscais dos clubes, o deputado Vicente Cândido (PT-SP) fechou um novo projeto propondo o mesmo parcelamento. O PL de Cândido, porém, excluiu grande parte das contrapartidas acertadas entre o Bom Senso e o governo federal nas reuniões das últimas semanas.

Traição. O projeto do deputado, aliado do presidente eleito da CBF Marco Polo Del Nero, é datado de 10 de fevereiro e contrariou os entes envolvidos na criação da Medida Provisória, proposta pela presidente Dilma Rousseff, que consideram uma traição.

Roupa nova. Patrocinado pela Nike desde 2012, o Santos estuda trocar de fornecedor de material esportivo. O clube tem conversado com concorrentes, inclusive com a Adidas, para substituir a atual parceira. O contrato com a Nike é válido até o fim de 2015.

Conta corrente. Com a concorrência, o Santos deve conseguir ampliar o valor que recebe atualmente, cerca de R$ 12 milhões anuais. O aumento na verba significará um alívio nas contas santistas do ano, já que o clube antecipou todas as receitas de televisão a que teria direito em 2015.

Novela. A briga pela Taça das Bolinhas ainda vai perdurar por mais um tempo. Na reunião do Conselho Deliberativo, terça-feira (10), o São Paulo decidiu seguir na briga judicial com o Flamengo para levar o troféu ao Morumbi.

Poder em disputa. A reunião do Conselho tricolor, aliás, foi palco de novo embate entre Juvenal Juvêncio e Carlos Miguel Aidar. O ex-presidente criticou seu sucessor no microfone, mas não recebeu apoio dos conselheiros em geral como acontecia quando comandava o clube. Apenas um grupo de cinco cartolas aplaudiram as críticas de Juvenal.

Colaboraram MARCEL RIZZO e RAFAEL VALENTE, de São Paulo, e SÉRGIO RANGEL, do Rio

DIVIDIDA

“A questão [da violência das torcidas] é muito mais complexa que a dívida dos clubes

GEORGE HILTON

ministro do Esporte, comparando as dívidas fiscais à violência nos estádios