Rixa entre Dilma e Congresso deve atrapalhar MP das dívidas fiscais dos clubes

Por Bernardo Itri

O mal-estar instalado entre o Palácio do Planalto e o Congresso deve respingar no esporte, mais precisamente na medida provisória que trata do refinanciamento das dívidas fiscais dos clubes. Com um projeto sobre o mesmo tema em tramitação na Câmara, parlamentares estão dispostos a não aprovar o texto produzido pela Casa Civil e pelo Ministério do Esporte. Essa atitude fará com que a MP não se efetive como lei.

Data de validade. Editada, a medida provisória terá até 120 dias para ser aprovada no Congresso e se tornar lei. Caso isso não aconteça, a MP perde efeito.

Boi de piranha. Essa pressão dos congressistas tenta fortalecer o projeto de lei na Câmara, defendido por situação e oposição –Vicente Cândido (PT-SP) e Otavio Leite (PSDB-RJ). O plano da bancada da bola é votar o texto na próxima semana.

X

‘Jet lag’. Na Espanha acompanhando os trabalhos de Carlo Ancelotti (Real Madrid) e Diego Simeone (Atlético de Madri), Dorival Júnior retorna ao Brasil na próxima semana e deve se reunir com a diretoria do Santos. O técnico é o preferido da cúpula alvinegra para assumir o time.

Na ponta… Pressionado com pedidos de impeachment, o presidente da Portuguesa, Ilídio Lico, tem uma meta para “salvar” o ano do clube. Entende que a classificação para o mata-mata do Campeonato Paulista, enfrentando um clube grande de SP, garantirá a sobrevivência do time até o fim do ano.

…do lápis. A conta do presidente diz que, disputando a próxima fase, a Portuguesa vai lucrar até R$ 3 milhões. Esse valor, entende Lico, será suficiente para pagar a folha salarial da equipe na Série C até dezembro.

Itinerante. A diretoria do São Paulo cogitou levar o clássico com o Corinthians para fora do Estado –Brasília era cotada–, mas desistiu por falta de tempo. O clube entende que, como haverá muitos jogos contra o time de Tite neste ano, o público no Morumbi deve ser reduzido. E o clássico fora da capital, para um público diferente, poderia ser mais rentável.

No caixa. O São Paulo vai receber cerca de R$ 1 milhão do Grêmio pelo empréstimo de Maicon. O meio-campista ficará até o final do ano em Porto Alegre e deve voltar ao Morumbi em 2016 para cumprir seu contrato, cujo término está previsto para o fim da próxima temporada.

Mulheres… Estádios do país programam ações para comemorar o Dia Internacional da Mulher. Na Fonte Nova, no domingo, haverá até um salão de beleza para o público feminino, que terá facilidade para entrar na arena.

…em campo. A Arena Pernambuco gravou homenagens dos jogadores para as mulheres –as imagens serão exibidas nos telões. No Maracanã, torcedoras terão 50% de desconto no ingresso para um dos setores VIPs do estádio carioca. O Morumbi também vai oferecer facilidades para o público feminino que for ao clássico de amanhã.

Colaborou ALEX SABINO, de São Paulo

DIVIDIDA

“Voltar para o mata-mata é um enorme retrocesso

ATAÍDE GIL GUERREIRO

vice-presidente de futebol do São Paulo, criticando a proposta de clubes como Grêmio e Vasco, que defendem a mudança no formato do Campeonato Brasileiro