Elenco e diretoria se irritam com Valdivia e renovação fica mais distante

Por Bernardo Itri

A probabilidade de Valdivia permanecer no Palmeiras é cada vez menor. Convocado pela seleção chilena mesmo sem ter atuado pelo clube no ano, o meia não possui mais nenhum defensor na comissão técnica, no elenco ou na diretoria. Os ataques ao executivo Alexandre Mattos na semana passada não foram digeridos até agora e, dentro do clube, a constatação é que Valdivia terá de ceder muito para renovar o contrato.

Corta luz. Alberto Strufaldi, membro do Comitê de Orientação e Fiscalização, prefere até se esquivar para não entrar na discussão sobre se vale a pena propor a renovação. “Confio muito na nova diretoria. Ela vai tratar o assunto com cuidado”, afirmou o cartola.

X

À deriva. A diretoria do Corinthians não tem sequer previsão de data para quitar a dívida de direitos de imagem atrasados com Guerrero. Sem dinheiro, o clube tenta levantar receitas alternativas para pagar o peruano e, enfim, conseguir voltar a discutir a renovação contratual. O estafe do atacante só quer negociar quando os pagamentos estiverem em dia.

Abertura tardia. Passados quase dez meses da inauguração do Itaquerão, o anfiteatro do estádio corintiano enfim receberá seu primeiro evento. O local vai sediar o lançamento do Núcleo de Estudos Afro e Indígena, da Secretaria da Justiça do governo de São Paulo.

Voo solo. A audiência da Fox Sports durante Danubio x Corinthians, terça (17), foi a segunda maior da TV fechada. A emissora, que transmitiu com exclusividade a partida, superou todos os concorrentes e perdeu apenas para a Globo. Dados internos da Fox dizem que entre as classes A e B, a audiência praticamente empatou com a Globo.

Ausência justificada. Sem nenhum representante na cerimônia de assinatura da medida provisória do futebol, a CBF enviou um ofício ao governo se desculpando pela ausência. Informou que seus dois principais dirigentes, José Maria Marin e Marco Polo Del Nero estão fora do país e não puderam comparecer.

Sem estrelas. O governo federal tentou rechear o evento da assinatura da MP com grandes personalidades do futebol, mas, como o convite foi feito às pressas –na quarta à tarde–, a ideia falhou. Entre os convidados que não puderam ir à cerimônia estão Dunga, Pelé e Zico.

Casa… A administração do Mané Garrincha espera sediar no estádio entre 10 e 15 partidas do Campeonato Brasileiro deste ano.

…de temporada. Entre os principais alvos da gestão do DF estão clubes que eventualmente perderem mandos de campo por causa de atos de suas torcidas. O plano é oferecer o Mané Garrincha como estádio alternativo com contrapartidas financeiras.

Outdoor. Uma das praças mais famosas do mundo, a Times Square deu destaque nesta quinta ao americano Peter Malnati, campeão de golfe do Brasil Champions. A imagem do vencedor figurou no prédio da Nasdaq.

DIVIDIDA

“O Marco Polo será o que o Itamar foi na transição do modelo democrático do país

WALTER FELDMAN

futuro secretário-geral da CBF, ao defender que o novo presidente pode produzir mecanismos de democracia sem a necessidade de imposição do governo